O que é Marketplace? Aprenda tudo agora – Sobre Varejo

Mais de 33% de tudo o que se vende online nos Estados Unidos é através de Marketplace. Mas afinal, você sabe o que isso siginifica? O que é Marketplace. Aprenda tudo agora!

Além do dado acima destacado, a China também entra nessa: Mais de 90% do que a China vende online, também é através desse modelo de negócio.


Além de tudo isso, ele já tomou 25% do mercado online Brasileiro.

o que é marketplace

A dúvida aqui não é: O que é Marketplace, mas sim porque você não sabe o que ele é.

O que é Marketplace?

Para você entender o que é um Marketplace, precisamos entender que tudo na vida é um processo de evolução.

Sendo assim, desde os primórdios da humanidade fazemos trocas, por exemplo:

Uma pessoa produzia trigo, uma outra produzia ovos. Na necessidade de uma matéria prima à outra, nós trocávamos. Dessa forma, começava-se a estabelecer uma conexão entre produtos, pessoas e interesses.

Posteriormente, esse modelo acabou evoluindo com surgimento do dinheiro, começaram a surgir os primeiros comércios, lojas, feiras… Ao mesmo todo esse nosso processo continuou evoluindo. Começamos a reunir essas pessoas em um mesmo local.

Sob o mesmo ponto de vista, os mercados começaram a aparecer. Ali um comerciante comprava diversos produtos de diversos interesses (e vendedores) e reunia em um único local, o supermercado.

Mais a frente ainda temos o mesmo modelo, entretanto em uma grande dimensão. Um grande e estruturado local repleto de lojas e magazines, oferecendo, serviços, produtos e praticidade. Estamos falando dos shoppings.

Por fim, começamos cada vez mais a nos aprimorar na forma de conexão. Como negociamos, como fazemos as transações…

O Marketplace veio para aprimorar ainda mais a forma com que realizamos essas conexões.

O que é Marketplace: Ele é uma forma de conectar quem está oferecendo alguma coisa, com quem precisa daquilo. Quem oferece um produto com quem quer comprar aquele produto. Serviço com serviço. E por aí vai…

De maneira geral, é como se fosse um shopping na internet. Ali você vai encontrar várias pessoas (vendedores) oferecendo seus produtos no mesmo lugar o que muitas pessoas querem.

Diferença entre Marketplace e loja física

Há ainda uma diferença substancial do Marketplace para os outros formatos (tradicionais) de loja física.

Nesses outros modelos de loja, comércios, fábricas… você sempre vai precisar de todo um processo, por exemplo:

Lojas Físicas:

  • Matéria Prima
  • Produção
  • Montagem
  • Distribuição.

Além disso, para você fazer o seu negócio crescer você vai precisar comprar e sempre repor: matéria prima, contratar mais pessoas, aumentar o espaço logístico… Com isso, esse tipo de negócio necessita que você invista muito mais dinheiro para que ele cresça.

Enquanto no Marketplace:

  • Produtor
  • Marketplace
  • Comprador

Dentro do Marketplace é diferente, nele você conecta vendedor e comprador, e para fazer crescer o que você precisa é trazer mais dessas pessoas para dentro da sua plataforma, do seu site, seu negócio.

Com isso, você acaba atraindo mais pessoas que oferecem produtos e mais pessoas que compram… Uma cadeia de interesses e praticidade é estabelecida de uma forma mútua.

De forma geral, a diferença que você pode perceber para quem tem um negócio físico (loja, fábrica) é que ele vai ter que investir muito dinheiro, infra-estrutura para fazer esse negócio crescer. Enquanto no Marketplace você ter um vendedor, dez ou mil, não irá alterar o seu custo.

Para você entender melhor como funciona um Marketplace, confira os nossos exemplos:

Exemplos de Marketplace

Ubber. Ele é um Marketplace que pessoas que precisam chegar a um destino, com motoristas que possuem um veículo e estão dispostos a vender esse trajeto. Uma forma de conectar oferta e demanda.

Airbnb. Se você parar para pensar, a maior rede de hospedagem do mundo não tem um quarto próprio. Ali diversos viajantes buscam quartos, ou simplesmente espaços em residências de pessoas que nunca viram (e muitos saem sem conhecer inclusive). Neste serviço, a busca é de quem oferece esse espaço com que busca uma casa ou quarto para passar a estadia.

Amazon. Sabe aquele livro baratinho, ou aquele celular novo ali anunciado? Você não acha mesmo que está comprando diretamente da Amazon, não é mesmo? Essa plataforma conecta diversos vendedores (de variados produtos) com uma gama de pessoas, visitantes e usuários que diariamente passam por ali buscando por produtos, facilidades e praticidade na compra.

Dessa forma, a Amazon não precisa ter uma estoque, muito menos uma infra-estrutura para suprir todas essas demandas. A responsabilidade das ações e transações são terceirizadas. Ali são dos vendedores que assumem todo o processo e experiência de compra.

Outros exemplos de Marketplaces são: Mercado Livre, Extra, Submarino, Americanas. com, Magazine Luiza, Submarino.

Essas lojas não possuem apenas estoque próprio, eles já têm diversos parceiros oferecendo os produtos dentro de seus sites.

Agora você já sabe porque mais de 90% das vendas na China são feitas por esse modelo de negócio, e porque ele está tomando todo o mercado online Brasileiro.

Dessa forma, preste atenção nos seus hábitos e entenda melhor como os Marketplaces estão presentes:

Quando for usar o IFood, Ubber, Mercado Livre, e por aí vai… você vai estar utilizando os Marketplaces.

Evolução

Ainda assim, vale ressaltar que a gente continua evoluindo.

Se você já conhecia o e-commerce, as lojas virtuais, você já percebe que todos estão indo para um novo caminho.

Este caminho conecta cada vez mais pessoas, ele é o shopping virtual. O famoso Marketplace.

 

Por fim, esperamos que tenha gostado do conteúdo. Comente e compartilhe.

Deixe as dúvidas ou sugestões para as próximos artigos.

Um abraço de toda a equipe!

Imagem: @sunnygb5


4 thoughts on “O que é Marketplace? Aprenda tudo agora – Sobre Varejo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *