O que é franquia digital? Aprenda Agora – Sobre Varejo

Fala pessoal, empreendedor e empreendedora. O artigo de hoje vai falar sobre: O que é franquia digital. Portanto, se você tem algumas dúvidas à respeito ou simplesmente quer saber mais sobre o assunto você está no lugar certo! Vem com a gente.

O que é esse modelo de negócio? Quais os exemplos? Como ser um franqueador digital?


O que é franquia digital

Vamos começar… por partes ok?

O que é franquia?

Como já falamos anteriormente, é muito provável que muitas pessoas já tenham tido contato com as franquias, especialmente quando falamos de franquias com estruturas físicas.

Por exemplo: uma loja no shopping que vira uma franquia. Dessa forma, expande o seu modelo de negócio de maneira uniforme. Ou seja, todos os processos e ações envoltos à marca são e já estão validados, maduros e eficientes.

O que é franquia digital?

Quando falamos de franquia digital, vemos vários modelos e oportunidades de negócio.

Você consegue trabalhar de forma remota (não há a necessidade da estrutura física), tem um investimento mais acessível, e se bem estruturado, é possível atender uma maior quantidade de clientes com um menor investimento ou menor custo. Por exemplo: Agências de Marketing Digital.

Outra maneira de entrar nesse segmento e aproveitar a oportunidade de crescimento é sendo um Franqueador(a) Digital.

  • Ou seja, você criar e desenvolver um negócio digital.
  • Validar as etapas (mesmo que de forma regional, ou as vezes estadual).
  • Entendeu o seu produto e processos: Atrair clientes, fornecedores, plataforma, tecnologia.

Assim, para expandir mais rápido o seu negócio é interessante a opção de ser um franqueador digital.

Com isso, vender esse modelo de negócio e fazer com que outros empreendedores se interessem por esse modelo desenvolvido por você, de preferência em outras regiões. Dessa forma, diversas cidades e estados estariam replicando esse seu modelo de sucesso (case).

O que pode ser negociado é a compra do processo (assim como nas franquias tradicionais) e também um royalty (uma comissão)  sobre o faturamento. Além é claro, taxas de franquias e outros serviços que você pode oferecer como complemento ao processo completo.

Franqueador e Franquiado.

Essa é a diferença entre ser o franqueador e franquiado.

Ou seja, o administrador e detentor da marca e dos processos e o comprador da licença para usar essa marca e tecnologia envolta, replicando esse modelo de negócio.

Essa oportunidade de ser franqueador digital, você pode inclusive operar como marketplace, unificando vendedores e compradores, fornecedores, e assistência de serviços.

Um exemplo são aqueles sites de Cupons descontos, sabe? Azeitona Preta, Peixe Urbano.

Nesse sistema, o franquiado adota a tecnologia e processos validados pelo franqueador, e busca na sua região empresas parceiras que possam oferecer promoções e ofertas para serem divulgadas.

O lucro desses processos vai diretamente ao franquiado, entretanto parte dela é repassado ao franqueador que detém a sua parte.

Por fim, pense sempre na expansão do seu negócio. Utilize as principais ferramentas e esteja pronto para um futuro promissor.

Bons negócios!

Esperamos que tenha gostado do conteúdo. Comente e compartilhe.

Deixe as dúvidas ou sugestões para as próximos artigos.

Um abraço de toda a equipe!

Imagem: @kaboompics


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *