Como higienizar os alimentos industrializados e frutas e verduras contra o Coronavírus

Em tempos de Coronavírus todo o cuidado é necessário nesse momento de quarentena. Portanto: Saiba como higienizar os alimentos industrializados, além de frutas e verduras contra o Coronavírus.

Entre as medidas de liberação para a circulação de pessoas, estão os estabelecimentos considerados essenciais como supermercado e farmácias, afinal: Para passarmos boa parte da quarentena é preciso abastecer a nossa casa com os alimentos do dia a dia, por isso, preparamos um artigo com dicas e conhecimentos compartilhados para a lavagem dos alimentos comprados, dessa forma, a proteção da sua família contra o vírus.


São dicas simples e intuitivas, mas que podem fazer uma grande diferença na higienização dos alimentos e claro, na redução dos riscos de contaminação.

Como higienizar os alimentos frutas e verduras contra o Coronavírus

Como higienizar os Alimentos Industrializados (sólidos: pacotes, garrafas, enlatados…)

Os materiais utilizados são os mais simples:

  • água e detergente ou sabão (pode ser qualquer tipo de sabão em pedra ou em barra).
  • bucha de cozinha nova.

Para o processo de higienização:

  • Umedeça a bucha com água
  • Despeje o detergente ou sabão.
  • Aperte e faça bastante espuma.
  • Esfregue os alimentos por todas as superfícies.
  • Alimentos enlatadas carecem de mais atenção, esfregue por mais tempo e mais minuciosamente.
  • Ensaboe os alimentos e reserve enquanto ensaboa os demais, deixe um tempo o sabão/detergente agindo.
  • Para tampas de garrafa como refrigerantes de vidro ou leite de coco, esfregue a tampa debaixo para cima para atingir toda a superfície e circunferência da tampa.
  • Enxágue os produtos, e deixe secar naturalmente para guardar.

Como higienizar Frutas e Verduras 

A comida sempre tem um espaço mais afetuoso, ela sempre foi capaz de nos teletransportar para sensações e lembranças únicas por exemplo: colo de mãe, domingo com os avós. E nessa memória gustativa a comida sempre é um abraço, um afago, alento e conforto para todos nós e isso não muda na quarentena.

Aqui vamos firmar essas conexão entre carinho e o alimento, apresentando algumas dicas:

  • Quais frutas e verduras devo comprar na quarentena?
  • Qual a melhor ordem de consumo?
  • Qual a maneira correta de higienizar os alimentos contra vírus, bactérias e fungos?
  • Como guardar e armazenas os alimentos após a sanitização?

Primeiro Passo: O que não pode faltar na sua cesta de hortifruti.

Alimentos terrosos: Alimentos terrosos são todos aqueles que provém e se desenvolvem embaixo da terra, entre eles podemos destacar por exemplo: as batatas, cenouras, alho, cebola. Todos essas riquezas de alimentos tem uma alta durabilidade, dessa forma você pode comprar e ganhar uma longevidade no consumo.

Alimentos com a casca dura: Como a abóbora, o chuchu, tem uma capacidade de durabilidade alta podendo resistir mesmo após meses, são alimentos ricos em nutrientes e rico para se ter em casa e consumir sempre que quiser. Além é claro, de poder se aventurar e preparar diversos pratos (cozida, refogada, nhoque…).

Pimentões: (verde, amarelo, vermelho) além de durarem muito tempo para o consumo, ainda oferecem aquele gostinho e sabor essencial para um refogado.

Limões: além de serem ricos em vitamina C, (o que para esse momento é super importante para contribuir e melhorar a imunidade) ainda proporcionam uma durabilidade para o consumo incrível. O Limão siciliano tem maior durabilidade do que o Taiti, contudo com o Limão Taiti a gente consegue consumir muito mais rápido e com muita mais frequências de uso, comparado ao Siciliano.


Alimentos Verdes Escuros: Brócolis, alimento rica em vitamina e nutrientes pode pré cozido e congelado para, dessa forma, aumentar a sua durabilidade.

Hortaliças: Super sensíveis para o consumo (durabilidade menor), são ricas em águas com até 90% em sua composição

Frutas: Procure no supermercado sempre pelas frutas mais verdosas, porque a maioria delas tem o poder de madurar fora da árvore, assim você aumenta a durabilidade e o tempo de consumo, por exemplo: Ameixa, tomate, banana, manga, goiaba, maçã, abacaxi.

Qual a melhor ordem para começar a utilizar os itens?

Depois desse beabá com dicas e durabilidade, comece a consumir os itens com menor tempo de consumo, portanto as hortaliças. Comprou, consome! Faça isso em um prazo máximo de cinco dias.

Segunda ordem de uso, ou uso diário: Utilize alimentos de cascas médias, como é o caso da abobrinha, pimentão, limões, berinjela, todas elas possuem uma delicadeza e exigem um consumo com maior frequência, por isso: programe-se e utilize-a!

Terceira ordem, diário, ou aos fins de semana: Dedique o preparo dos itens com o maior tempo de durabilidade, no caso os alimentos terrosos: Com o prazo igual ou maior do que uma semana de consumo, aproveite para: Uma batata de forno? Que tal?

Quarta e última ordem: Os alimentos de cascas duras. Esses alimentos lindos, pesados com cascas sempre muito duras e resistentes como o chuchu e abóbora são os campeões em durabilidade, dessa forma podem estar aptos ao consumo mesmo após meses. É possível inclusive, partir em pedaços e guardar. Mesmo dessa forma a durabilidade entre eles é enorme.

Como lavar e higienizar os Alimentos de uma forma correta?

Materiais utilizados: Não se assuste, essa é uma recomendação segura pelos órgãos sanitários Brasileiros.

  • água potável.
  • água sanitária (cloro).
  • Bacia, ou espaço da pia (limpa).

Para o processo de higienização:

  • A cada 1 litro de água.
  • 1 colher (sopa) rasa de água sanitária.
  • Vede a pia para manter a água parada, ou fracione dentro de um balde.
  • Preencha o conteúdo com água, contando sempre a quantidade em Litros, por exemplo: Para encher a minha pia, utilizei 20 Litros de água potável.
  • Coloque a mesma quantidade de água sanitária conforme o processo anterior, por exemplo: Se utilizei 20 Litros de água potável, vou precisar de 10 colher (sopa) rasa de água sanitária.
  • Coloque todos os alimentos na água clorídrica e deixe por lá exatamente 15 minutos (nada mais, nada menos), esse tempo é importantíssimo para a sanitização adequada.
  • Cuidados com algumas frutas: Bananas, maças entre outras frutas, geralmente apresentam fissuras em sua casca, observe e caso encontre em alguma delas, não faça esse processo.
  • Feito este processo, águe novamente todos os itens individualmente com água corrente, passe a mão por toda a superfície do alimento, dessa forma retire o excesso químico.

Aproveite o momento:

Neste momento final, aproveite para sentir o alimento, se conectar através do tato e sentir o ponto de cada alimento, se ele está mais verdoso, maduro,  essa é uma grande dica inclusive para você entender em qual momento consumir cada um deles.

Separe um espaço, pode ser inclusive o escorredor de louças (devidamente limpo) para deixar os alimentos expostos para que sequem naturalmente.

Desse momento em diante é importante que todos os itens de hortifruti sejam armazenados dentro da geladeira. Dessa forma, muito carinho e muita consciência para não desperdiçar nenhum alimento.

Pronto, tudo lavado e higienizado.

Alimente-se de forma responsável, consciente, afetuosa e com muito carinho pela nossa variedade de frutas e verduras Brasileiras.

Imagem: @freepik

 

 

3 thoughts on “Como higienizar os alimentos industrializados e frutas e verduras contra o Coronavírus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.